DVW Comunicação

Agenda

18 de Abril de 2012 à 00 de de 0000

Redução de Custos para Projetos de Inovação

Principais mecanismos de redução de custos de projetos de inovação: Incentivos Fiscais, Programas de Fomento e Financiamento
São Paulo, 18 de Abril 2012 Mercure Moema

Reduza os custos dos seus projetos de Inovação. Aprenda como abater parte dos custos dos projetos do Imposto de Renda e CSLL por meio da utilização da Lei do Bem. Fique por dentro dos principais programas de fomento e financiamento para inovação existentes no país, e como obter empréstimo a juros bem reduzidos ou até recursos subvencionados, viabilizando financeiramente os projetos de inovação da sua empresa. Curso com experiência real prática de utilização dos mecanismos.

Objetivo:
Após este treinamento os assuntos abordados trarão os seguintes benefícios para você e sua empresa:

  • Entender quais são as oportunidades existentes no Sistema Nacional de Inovação para fomentar os projetos de inovação da sua empresa.
  • Saber escolher a melhor combinação de mecanismos para aportar recursos ao seu projeto.
  • Como aplicar a Lei do Bem aos projetos de sua empresa.
  • Como obter recursos de programas como:
  • Capital Inovador, Inovação Produção, Prosoft, etc. do BNDES
  • Inova Brasil, Juro Zero, Prime, Subvenção da FINEP
  • PITE, PIPE – Fapesp
  • Leis Estaduais e Municipais de Incentivo à Inovação
  • Como monitorar todos os programas existentes e descobrir novas oportunidades sobre os projetos de sua empresa.
  • Entender o que é Gestão de Inovação e como isso pode trazer aumento de receita para a sua empresa.

Conteúdo Programático

Módulo - Teórico
I - Sistemas Nacionais de Inovação
1.1 - Teoria dos Sistemas Nacionais de Inovação
1.2 - O Sistema Brasileiro de Inovação
1.2.1 - Arcabouço Legal: principais leis federais, estaduais e municipais
1.2.2 - Principais Agentes: MCTI, ABDI, MDIC, ICTs, empresas, etc.

2 Programas de Fomento e Financiamento à Inovação
2.1 - Incentivos fiscais: Lei do Bem – Principais conceitos e aplicações
2.2 - Regulatórios: Lei da Informática, P&D Aneel, Lei do Petróleo
2.3 - Finep: Inova Brasil, Inovação Tecnológica, PRIME, Juro Zero, Fundos Setoriais
2.4 - BNDES: Capital Inovador, Inovação Tecnológica, Inovação Produção, Prosoft, Funtec, outros
2.5 - CNPq: Bolsas, Subvenção, RHAE
2.6 - Fapesp: PITE, PIPE, PAPPE, PRIME
2.7 - Bancos: BIRD, Banco Muncial, Bancos Privados,
2.8 - Fundos de Venture Capital: Criatec, Inovar Venture Capital, Privados, etc.

Módulo 2 - Workshop
Caso 1 - Aplicação Prática da Lei do Bem
1.1 - Análise dos Projetos de uma empresa do setor de TI para potencial inclusão na Lei do bem – Metodologia de utilização, problemas, etc.
1.2 - Análise de Projetos críticos de diversas áreas para decisão de enquadramento nos conceitos da legislação e do decreto

Caso 2 - Análise de Casos para captação de recursos de Fomento e Financiamento
2.1 - Análise de Projetos para decisão do melhor programa de fomento a ser escolhido para captação.
2.2 - Exemplificação da documentação necessária para a captação de um programa.

Público-Alvo:
Funcionários das áreas de P,D&I, Departamento Fiscal, Financeiro, Planejamento, Controladoria, que estejam envolvido com recursos para projetos de P,D&I e que tenham interesse em saber como viabilizar projetos financeiramente.

Carga horária: 8 horas

Instrutores:
Lucas Aquino: Graduado em Engenharia Elétrica pela UNICAMP, MBA em Gestão da Tecnologia, Inovação e Conhecimento pela FIA/USP, Especialização em Administração pela FGV. Professor-convidado de MBAs na FIA/USP, PECE-USP e UFU. Atuou no desenvolvimento e gestão de novos negócios de base tecnológica, busca de capital de risco e análise de investimentos. Assessorou empresas como IBM, BuscaPé, Continental, EMS, Braskem, Autotrac, Cemig, Visteon, Fosfertil, Ibope, Festo, Schneider, Santal, Jacto, Algar, CTBC, Algar Tecnologia, Bauducco, Yoki, entre outras.

Felipe Meiroz: Graduado em Engenharia Elétrica pela UNICAMP, Pós-Graduado em Marketing Organizacional pelo Instituto de Economia da UNICAMP, MBA em Economia pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Atua há anos como consultor na área de Gestão de Inovação Tecnológica, particularmente na implementação de processos para Gestão da Inovação Aberta, gestão de políticas públicas para fomento à inovação, em empresas de diversos setores, como: IBM, Telefonica, Vivo, Tim, Claro, Cemig, Grupo Algar, Autotrac, Yoki, BuscaPé, Pagamento Digital, Schneider, Caio, Devex, Ibope, entre outras.

A DVW reserva-se o direito de alterar o programa sem aviso prévio

Informações

Data 18/04/2012

Local
Mercure Moema
Av. Lavandisca, 365
São Paulo - SP

Investimento 0.00

Atendimento
contato@dvw.net.br

Indique para seus amigos


DEPOIMENTOS

“Claro e preciso, esclareceu e me instrumentalizou para trabalhar criticamente junto ao meu contador”

Anelise

GMK Diagnósticos

EVENTOS REALIZADOS

PALAVRAS RELEVANTES

Tributário

Finanças & Economia

Construção Civil

Logística

Auditoria

Gestão Corporativa

Custos e Orçamentos